Case de sucesso: Como o Grupo Pão de Açúcar teve um aumento de 754% em horas de capacitação de seus colaboradores?

Histórias de sucesso

Case de sucesso: Como o Grupo Pão de Açúcar teve um aumento de 754% em horas de capacitação de seus colaboradores?

Artigo
Case de sucesso: Como o Grupo Pão de Açúcar teve um aumento de 754% em horas de capacitação de seus colaboradores?

A aprendizagem digital foi um elemento fundamental na educação corporativa durante esse período de pandemia, um processo que já estava ganhando espaço nas organizações e precisou ser consideravelmente acelerado, pois tornou-se essencial. E se 2020 foi considerado o período de adaptação, o desenvolvimento de competências comportamentais é a prioridade das empresas em 2021.

Neste artigo, iremos abordar um pouco sobre os desafios e soluções encontradas pelo Grupo Pão de Açúcar para engajar, capacitar e desenvolver seus colaboradores de forma online através da Universidade Corporativa GPA, uma plataforma de treinamento e desenvolvimento virtual do Multivarejo. Continue acompanhando a leitura!

1. Utilização do microlearning

Uma das ideias utilizadas foi gravar pequenos vídeos para subir na plataforma de e-learning da universidade. 

Na Universidade GPA, já existiam soluções online há muito tempo, mas nunca a produção própria no formato de microlearning

É importante lembrar que também há o desafio de concorrer com a grande quantidade de conteúdos que estão sendo disponibilizados nas redes sociais, além das lives diárias nesse momento de pandemia. 

Uma boa solução foi utilizar pequenos vídeos de até 5 minutos (formato microlearning), gravados pelos próprios colaboradores da universidade, das suas casas, em seus smartphones e em uma comunicação bem mais simples, no estilo “youtuber”.

2. Temas leves e relevantes considerando os desafios da pandemia

É importante utilizar temas leves e relevantes para a vida pessoal e profissional, sempre considerando os desafios da pandemia. Os temas podem ser aplicados assim que os colaboradores terminam de assistir ao vídeo (técnicas de meditação, alimentação saudável, gestão de equipes remotas, etc.).  

3. Indicação de conteúdos de parceiros para ampliar o conhecimento

Foi realizada uma curadoria de conteúdos de fornecedores parceiros. Os temas são relacionados com os vídeos de produção interna e ao final de cada vídeo, sempre é indicado um conteúdo dessa curadoria de forma complementar para aqueles que desejam ampliar seu conhecimento sobre os temas abordados.

4. Integração com a comunicação interna

Outra solução é envolver a área de comunicação interna da empresa para divulgar esses vídeos semanalmente. Essa parceria é fundamental para alcançar 100% dos colaboradores. Além da divulgação na plataforma LMS, os vídeos também podem ser divulgados na rede social interna da organização.

A utilização do microlearning e do edutenimento (educação + entretenimento) foi essencial para engajar os colaboradores, pois em poucos minutos eles obtiveram conhecimento com possibilidade de aplicação imediata. E com vídeos desenvolvidos pela própria área, o colaborador consegue se identificar tanto com o conteúdo quanto com a situação, revelando sentimentos comuns e possibilitando a criação de uma grande rede de desenvolvimento e engajamento.

A seguir, separamos um breve resumo dos resultados alcançados a partir do monitoramento dos indicadores dos acessos do público corporativo.

Os resultados

Durante os dois primeiros meses de lançamento do projeto, foi feito o acompanhamento das conexões realizadas na plataforma e  dos conteúdos acessados. A partir dessa análise, foi constatado um aumento de 153% nas conexões realizadas pelo público-alvo do projeto quando comparado ao mesmo período de 2019. Também foi verificado um aumento de 752% nas horas de capacitação realizadas, mesmo o foco do projeto sendo o microlearning, o que demonstra que os colaboradores foram incentivados pelo canal a consumir mais conteúdos disponibilizados na plataforma, fator esse confirmado pelo indicador de conteúdos visualizados que obteve 1.190% de aumento nesse período, sendo que mais de 14 mil conteúdos foram visualizados em menos de 60 dias.

Em dezembro de 2020, foi verificado um aumento de 82% nas horas de capacitação realizadas para o público-alvo do projeto, e 204% de aumento dos alunos que visualizaram mais de 33 mil conteúdos, um aumento de 210% com relação ao mesmo período de 2019. Esses dados mostram que os colaboradores buscaram mais desenvolvimento no formato on-line.

Universidade em casa GPA: alavancando a aprendizagem digital durante a pandemia

O GPA (Grupo Pão de Açúcar) é o maior grupo varejista alimentar da América do Sul. É uma empresa do grupo Casino que se encontra em todas as regiões do Brasil, com mais de mil lojas, 23 CDs, além das operações do GPA na Colômbia, Uruguai e Argentina. 

A Universidade em Casa nasceu no meio da pandemia global, um momento de muita incerteza, medo, consequências e proporções que ninguém poderia imaginar. 

Além do isolamento social, foram necessárias várias adaptações. Seu público corporativo começou a trabalhar em casa, em formato de home office, o que é novidade para muitos deles.

A área de treinamento precisou se reinventar para continuar atendendo 100% dos colaboradores, em um formato totalmente online e cada um em sua casa. Foi um grande desafio!

Contudo, com as soluções citadas neste artigo, a universidade conseguiu superar esses desafios e alavancar a aprendizagem digital. Portanto, foi possível continuar garantindo uma experiência de aprendizagem eficaz e com feedbacks muito positivos dos colaboradores.

Confira o vídeo e saiba mais sobre a Universidade em Casa GPA 

Saiba mais