Maturidade do aprendizado: Como desenvolver competências para o futuro

Artigo

Maturidade do aprendizado: Como desenvolver competências para o futuro

Artigo
Maturidade do aprendizado: Como desenvolver competências para o futuro

Já faz 5 anos que o Fórum Econômico Mundial previu que 65% das crianças que ainda estão entrando nas escolas vão trabalhar em novos tipos de empregos e funções que ainda não existem no mercado. E esse cenário já era dado como certo antes da pandemia. 

Essas previsões estão em alta, mas não são novas. A área de novas competências sempre esteve em um ciclo contínuo de mudanças. O que mudou foi a velocidade com que essas mudanças acontecem – impulsionadas por quatro vertentes principais:

  • Aumento da automação do trabalho
  • Escassez de  talentos
  • Escassez de mão de obra qualificada
  • Envelhecimento dos colaboradores qualificados

Ao não se atentar para essas vertentes, o seu negócio pode ficar obsoleto, perder espaço no mercado e consequentemente, perder receita; enquanto as mudanças constantes acontecem.

Então como a sua empresa pode desenvolver competências para o mercado atual e para o futuro?

A chave para o sucesso dos negócios ao se preparar para o futuro é não ter medo das mudanças, mas aceitá-la, capitalizá-la e usá-la a seu favor.

Uma atitude positiva – em relação à evolução – deve vir  de cima para baixo em sua equipe. É preciso encorajar os colaboradores a investir em seu próprio desenvolvimento profissional e em competências necessárias para o futuro. Esta mudança cultural irá construir bases sólidas para o upskilling e reskilling  e para a sua maturidade de aprendizagem.

Se a sua organização e equipe aceitarem essas mudanças e estiverem dispostos  a se adaptar às novas demandas de competências, você pode aproveitar as vantagens desse novo panorama – que está sempre em mudança – e “surfar essa onda” rumo ao sucesso.

Afinal, o que é a maturidade do aprendizado?

Quando se trata de objetivos ideais no negócio, os verdadeiros problemas a serem resolvidos são:

  • Como os líderes serão capazes de atrair, reter e desenvolver os novos talentos;
  • Como acelerar o processo de  desenvolvimento de competências. 

Tudo isso reduzindo os riscos e aumentando o rendimento, seja hoje ou no futuro.

Em outras palavras, a grande questão é: como o potencial humano pode ser desbloqueado e como o desempenho dos negócios  pode ser melhorado através do desenvolvimento  eficaz de competências?

De acordo com a pesquisa anual da PWC CEO Survey 2020: “empresas não podem contratar futuros colaboradores que já possuem qualificações como uma forma de minimizar essa lacuna de aprendizado de competências nos colaboradores atuais”. Por isso, investir no upskilling e reskilling da sua equipe é uma prioridade estratégica para a empresa não apenas sobreviver, mas também prosperar e aproveitar novas oportunidades.

Para alcançar as metas, é necessário remodelar o seu mapa de competências e criar um programa de desenvolvimento de talentos contínuo em toda a empresa. Garantir continuidade vai além das prerrogativas do treinamento e desenvolvimento (T&D), que tem um papel fundamental a desempenhar como facilitador e capacitador. 

Para que uma estratégia de reskilling funcione, é necessária uma abordagem unificada em toda a empresa. Precisa ser mais do que um objetivo do RH ou T&D – deve ser uma estratégia contínua de todo o negócio. Caso contrário, corre-se o risco de se tornar uma maturidade do aprendizado fracassada com processos e objetivos inconsistentes.

Além disso, não  vamos esquecer que o seu negócio é único. Portanto, o conteúdo técnico básico ainda será ‘obrigatório’, mas o contexto atual do mercado deve prevalecer.

Por que a maturidade de aprendizagem é importante?

Compreender o seu nível de maturidade de aprendizagem digital é um passo fundamental para aprimorar e remodelar o seu mapeamento de competências, com o potencial humano no centro do desempenho dos negócios.

Ou seja, para acompanhar as mudanças de mercado e estimular o mapeamento de competências da sua empresa, você precisa entender em que ponto está. Isso fornece a base para a criação de uma estratégia contínua para o sucesso.

Recentemente, a CrossKnowledge criou uma ferramenta que ajuda os profissionais de T&D a entender como sua oferta de aprendizagem está conectada a todo o sistema do seu negócio de forma mais ampla.

Na primeira etapa, ele examina seis áreas principais: como administração, engajamento do aprendiz e design centrado no ser humano. Ele traça de forma rápida e fácil um diagnóstico sobre o seu programa de  aprendizagem digital e relata quais os pontos principais a serem trabalhados como  prioridade. 

Então, a partir daí, você terá as bases sobre como criar uma estratégia contínua para o sucesso.

Com um olho atento no futuro, você estará em movimento para garantir que a sua aprendizagem digital corporativa seja um sucesso.

Saiba mais