Plataforma LMS: tudo o que você precisa saber para aderir

Checklist

Plataforma LMS: tudo o que você precisa saber para aderir

Checklist
Plataforma LMS: tudo o que você precisa saber para aderir

Com os avanços da tecnologia, houve o surgimento de novas ferramentas e estratégias que contribuíram para a evolução dos processos de aprendizagem. Softwares poderosos começaram a ser desenvolvidos e se tornaram um grande auxílio para diversas áreas, incluindo a educação corporativa. Uma dessas inovações é a plataforma LMS, que trouxe um grande avanço para o T&D das organizações.

Com essa tecnologia, é possível proporcionar um ensino eficiente, de fácil acesso e com diversos elementos que podem transformar o modo de aprender e ensinar. Além disso, ela também pode trazer diversos benefícios para os treinamentos corporativos e, consequentemente, gerar melhores resultados.

Continue acompanhando a leitura e saiba tudo sobre como funcionam as plataformas LMS. E mais! Separamos algumas dicas fundamentais para te auxiliar na implementação desta tecnologia. Confira!

O que é uma plataforma LMS?

Uma plataforma LMS, abreviação de Learning Management System, é uma plataforma de ensino que transporta o ambiente educacional presencial para o espaço virtual. Ela viabiliza o ensino online e dispõe de uma série de ferramentas para tornar o aprendizado mais dinâmico e completo.

No Brasil, a tradução da sigla LMS é Sistema de Gestão de Aprendizagem, mas também é conhecida como plataforma EAD (Ensino à Distância). Essas plataformas costumam ser muito utilizadas para a aplicação de treinamentos digitais nas organizações, proporcionando a redução de custos e otimizando todo o processo de aprendizagem.

Como funciona uma plataforma LMS?

As plataformas LMS possuem todos os recursos necessários para que seja possível desenvolver e disponibilizar o conteúdo dos treinamentos na Internet. Além disso, elas também viabilizam o acompanhamento dos alunos e a emissão de certificados. Porém, também existem diversas outras funcionalidades. Resumimos abaixo os principais recursos que um sistema de gestão de aprendizagem pode oferecer no âmbito corporativo. Confira:

  • Criação de treinamentos para colaboradores;
  • Personalização da interface;
  • Hospedagem de conteúdo;
  • Utilização de atividades de aprendizagem variadas;
  • Facilidade na atualização do conteúdo;
  • Integração com os dados do setor de Recursos Humanos (identificação de cargos, acompanhamento do colaborador, metas de performance, etc.);
  • Controle de participação dos colaboradores nos treinamentos;
  • Avisos e lembretes para manter os profissionais atualizados sobre cursos obrigatórios, avisos, etc.;
  • Relatórios com resultados dos treinamentos, adesão dos colaboradores e outras informações estratégicas;
  • Possibilita o modelo de acesso aos gerentes para a aprovação de materiais e outras decisões.

Plataforma LMS X Plataforma LXP: quais as diferenças?

Diante de tantas inovações na área da aprendizagem, muitos acabam confundindo alguns tipos de plataforma e não sabem a diferença entre seus conceitos e objetivos. Uma dessas confusões é entre as plataformas LMS e LXP. Por isso, explicaremos abaixo qual a diferença entre as duas. Confira:

Plataforma LMS

Como já dito anteriormente, esse é um tipo de plataforma que permite o ensino online. Ela foi uma grande inovação no ensino à distância e dispõe de ferramentas que facilitam a criação, organização, personalização e administração dos treinamentos digitais.

Plataforma LXP

Já a plataforma LXP (Learning Experience Platform), ou Plataforma de Experiência de Aprendizagem, em português, é um software que busca oferecer uma experiência personalizada ao aluno. Diferentemente da LMS, em que o objetivo é viabilizar um ensino online completo e acessível, seu foco vai além desse objetivo principal e consiste em também priorizar as necessidades dos usuários que irão utilizar a plataforma, proporcionando assim benefícios para o engajamento dos alunos.

Nela, o processo de aprendizagem dos alunos é realizado de forma ativa e com mais interação. O aluno tem liberdade para definir sua direção nos estudos, contribuindo para a sua motivação pessoal e o desenvolvimento de competências.

Geralmente, as plataformas LXP são integradas às plataformas LMS para melhorar a experiência do usuário. Assim, elas podem trabalhar juntas e proporcionar os melhores resultados.

Qual a importância desse tipo de plataforma nas organizações?

Não há dúvidas que os treinamentos corporativos se tornaram cada vez mais essenciais para o desenvolvimento estratégico das organizações. Porém, existem muitos desafios que as empresas precisam enfrentar e solucionar na educação corporativa, por exemplo, manter os alunos engajados. 

Além desses desafios, as empresas também precisam se adaptar às transformações digitais para que elas possam se manter relevantes neste atual mercado. Por isso, as plataformas LMS surgem como uma ótima solução para enfrentar todas essas barreiras.

Com um sistema de gestão de aprendizagem, é possível gerar experiências mais positivas durante os treinamentos. Isso acontece por causa da interatividade proporcionada pelos recursos disponíveis e pela flexibilidade de horário que os alunos passam a ter. Eles podem ter acesso aos conteúdos em casa, no transporte, em viagens ou em qualquer outra situação que o aluno desejar.

Diante de tantos fatores, existe uma vantagem que é um dos principais motivadores para a implementação do LMS: a redução de custos financeiros. Esta tecnologia diminui os custos necessários para a realização de tantos treinamentos presenciais.

O Blended Learning, por exemplo, é uma solução de aprendizagem que combina práticas de ensino presencial e à distância, otimizando o processo e gerando resultados de alta qualidade. As plataformas aqui servem não só como o apoio para os conteúdos online, mas também para a interação durante os próprios treinamentos presenciais.

Quais são as vantagens de usar uma plataforma LMS? 

Afinal, será que vale mesmo a pena investir nesta tecnologia? Já vimos algumas vantagens até agora, mas separamos mais algumas para mostrar o quão eficiente esse tipo de plataforma pode ser para as empresas. Confira:

Agilidade

Com a utilização do LMS, se torna muito mais fácil e ágil a criação de treinamentos. As funcionalidades permitem que diversos tipos de conteúdos (ebooks, vídeos, imagens, PDFs, áudios, etc.) sejam disponibilizados, facilitando a construção de todo o material e a utilização de conteúdos já existentes na Internet, que podem servir como apoio para as aulas. 

Tudo isso pode ser disponibilizado para uma grande quantidade de pessoas de forma sistematizada e com o acompanhamento personalizado de cada aluno, reduzindo o tempo que seria gasto com todos os processos presenciais e com o acompanhamento manual.

Diagnóstico dos colaboradores

Outro benefício é o melhor controle sobre o diagnóstico dos colaboradores da empresa. Na plataforma, é possível fazer o acompanhamento dos profissionais, quais treinamentos eles já concluíram ou quais devem fazer ainda, resultados de avaliação, etc.

São inúmeros os dados que podem ser avaliados por meio da plataforma. Com isso, os gestores podem identificar os gaps que precisam ser preenchidos nas competências profissionais e até mesmo se basear nesses dados para fazer promoções. Afinal, é possível ter uma visão sobre os pontos fortes e fracos de cada profissional, avaliando também de forma geral como está o desenvolvimento de toda a equipe.

Escalabilidade

Uma das grandes vantagens da plataforma de gestão de aprendizagem é a possibilidade de poder treinar milhares de usuários ao mesmo tempo. Diferentemente de um treinamento presencial, não há limites para o alcance de alunos, além do conteúdo poder ser reutilizado para futuros alunos sem depender da criação de um novo material.

Engajamento dos alunos

O desenvolvimento de competências realizado por meio dos treinamentos é um grande fator que contribui para o engajamento dos colaboradores. Afinal, eles estão sendo capacitados para ter progresso em suas carreiras e no seu espaço na organização. 

Porém, como dito anteriormente, os processos de educação corporativa tradicionais podem ser cansativos e fazer com que o aluno não permaneça empenhado. Com o uso da plataforma, a flexibilidade e os diversos recursos disponíveis, contribuem para o engajamento dos alunos e, consequentemente, na realização de mais treinamentos para o desenvolvimento de suas competências.

Também vale lembrar que é uma ótima ferramenta para integrar novos funcionários por meio do onboarding, antes mesmo deles iniciarem seu primeiro dia na organização.

Como implementar uma plataforma LMS: foco no aluno

Uma das primeiras etapas da implantação de uma plataforma LMS é a definição de uma estratégia de lançamento. Para obter o melhor resultado possível, ela precisa ser orientada ao aluno. No entanto, como podemos definir uma estratégia de aprendizado eficiente para os colaboradores se não soubermos como fazer um LMS focado no aluno? 

Aqui estão seis dicas sobre como projetar uma plataforma LMS centrada no usuário:

1. Priorize a experiência de aprendizado

A escolha de uma plataforma LMS não deve ser baseada apenas em sua gama de funcionalidades, capacidade de integração ou automação de aspectos administrativos. Esses pontos são importantes, claro, mas não tanto quanto uma experiência de aprendizagem agradável, suave e engajadora. 

O envolvimento direto dos stakeholders é necessário, o que pode ser obtido:

  • Apresentando soluções de uma maneira original: em vez de encaminhar uma apresentação em PowerPoint, realize rápidas demonstrações, webinars ou prepare vídeos. Há várias formas de ser criativo na apresentação do seu LMS!
  • Incentivando a contribuição da equipe. Use sua rede social corporativa para estimular os colaboradores a compartilharem suas experiências de aprendizagem;
  • Pedindo às pessoas para expressarem suas opiniões. Receber feedback é essencial ao coletar os dados de aprendizagem de sua empresa.

2. Defina indicadores claros e relevantes

A presença de indicadores de desempenho é vital: é a única maneira de obter as informações necessárias para melhorar o uso e a eficiência do seu LMS.

  • Adote a mesma estratégia que os varejistas eletrônicos. Para compreender a popularidade e os pontos de melhoria do seu LMS, aplique a seguinte lista de indicadores ao seu projeto:
    a) Tráfego: mensure o acesso em diferentes partes da plataforma;
    b) Taxa de conversão: acompanhe o “consumo” dos seus conteúdos;
  • Meça também a satisfação, o impacto e a qualidade da experiência de aprendizagem. Pesquisas de qualidade ajudam a elaborar indicadores quantitativos e identificar formas de melhorar o programa;
  • Forme um comitê de diretores e realize reuniões regulares com ele. Muitas empresas não valorizam esta dica, mas é essencial reunir-se com os stakeholders para avaliar a evolução do projeto de forma qualitativa. Isso vai te ajudar a assegurar a sustentabilidade do seu LMS.

3. Adote a estratégia de conteúdo certa

  • Tenha um catálogo diversificado de conteúdos e cursos para que seu aluno encontre o que precisa no momento certo;
  • Encoraje seus alunos a serem protagonistas da própria aprendizagem. Em vez de ficar “empurrando” conteúdos, ofereça: uma boa ferramenta de buscas, um catálogo de treinamento completo e recursos de interação e compartilhamento;
  • Tenha sempre em mente que o seu LMS deve ser o núcleo da sua experiência de educação corporativa.

4. Realize ações de marketing de aprendizagem

Pense em seus colaboradores como clientes internos para os quais você precisa vender a solução. Construa um plano promocional para lançar seu produto em dois estágios principais:

  • Conheça o dia a dia de seus alunos. Faça perguntas para analisar seus comportamentos, dores e necessidades – afinal de contas, você quer oferecer um programa que se encaixe em suas rotinas de trabalho;
  • Lance uma campanha de comunicação impactante. Crie uma estratégia de marketing para chamar a atenção e envolver todos da empresa. Além dos canais de comunicação tradicionais, usar estratégias de gamificação pode ser uma boa ideia!

5. Conquiste o apoio das pessoas certas

Encontre formas de conquistar o apoio das pessoas certas para o sucesso do projeto:

  • Para ser bem-sucedida, a campanha de comunicação precisa dos embaixadores apropriados. Envolva os business partners de RH, assim como os gerentes, que devem apoiar os membros da equipe durante o lançamento da plataforma;
  • Escolha fornecedores experientes que ofereçam suporte qualificado para suas ações de educação digital, incluindo a sua plataforma LMS.

6. Facilite a vida dos seus colaboradores

Utilize as estratégias certas para fazer com que a plataforma seja simples de usar, facilitando a vida dos colaboradores. Confira as dicas abaixo:

  • Empresas como Amazon e o Yahoo observaram que o tempo de carregamento da página é inversamente proporcional ao tráfego. Sempre que possível, trabalhe com a TI para oferecer uma estrutura rápida e eficiente;
  • O número de cliques que os alunos precisam fazer, assim como o tipo de login e duração de treinamento, tem um impacto significante no engajamento dos alunos; 
  • Por último, mas não menos importante, o treinamento tem que vir ao aluno e não o contrário. Trabalhe com seu departamento de comunicação interna para garantir que seus programas estarão recorrentemente na pauta da área.

Acima de tudo, lembre-se: O LMS tem que ser pensado para, com e em torno do aluno.

CrossKnowledge Learning Suite: uma plataforma orientada ao aluno 

Você busca um LMS feito para desenvolver as competências dos seus colaboradores? Procuramos entender como as pessoas aprendem para construir a melhor plataforma de aprendizagem do mercado. 

A CrossKnowledge Learning Suite te ajuda a desenhar experiências de aprendizagem que te permitam entregar resultados concretos ao negócio por meio de:

  • Personalização nativa, para um portal tão bonito quanto a sua marca;
  • Painéis personalizados para que você, os líderes e os alunos acompanhem o progresso coletivo e individual;
  • Integração segura e sem complicações com seus sistemas existentes, para deixar a sua TI tranquila;
  • Marketing de aprendizagem integrado, para você promover os seus programas e aumentar o engajamento.

Saiba mais