Construindo Universidades Corporativas: impactos da transformação digital

Futuro da Educação

Construindo Universidades Corporativas: impactos da transformação digital

Artigo
Construindo Universidades Corporativas: impactos da transformação digital

Para se manter relevante nos negócios, as empresas precisam se adaptar de forma ágil aos avanços desta era e a área da educação não fica de fora. Por isso, é preciso implementar o processo de transformação digital nas universidades corporativas para continuar enfrentando os novos desafios do mercado e alcançando resultados satisfatórios.

Afinal, diante do cenário de isolamento social provocado pela pandemia, a transformação digital se tornou ainda mais essencial para fazer com que as empresas se reorganizem e tenham relevância e sucesso em seus projetos. 

Neste artigo, abordaremos duas estratégias de sistema de educação corporativa: a Universidade Petrobras e a Alpa Learning Universe. Continue acompanhando a leitura e descubra como essas duas empresas estão passando pela jornada da transformação digital!

Como a Universidade Petrobras lida com a transformação digital?

Segundo Rodrigo Souza Granja, gerente da Universidade Petrobras, a geração de valor para o negócio é o fator crítico de sucesso de longo prazo em uma universidade corporativa. Por isso, é preciso primeiro estar atento aos desafios dos negócios e entender como a educação corporativa deve atuar diante deles. Assim, será possível conseguir gerar valor para a organização e fazer com que ela se mantenha relevante e perene ao longo do tempo.

Para ele, se você não for ágil diante de rápidas mudanças e não estiver ligado nessas transformações, ou se você não entender corretamente como a educação corporativa consegue gerar valor (para acionistas, para a empresa e para os negócios), muito provavelmente você não irá conseguir construir uma universidade corporativa de sucesso. 

Portanto, o ponto central desse processo, tanto para as universidades que estão iniciando agora, quanto para as que já estão há tempos no mercado, é a capacidade de conseguir se adaptar com rapidez diante das mudanças e se manter relevante na geração de valor para os negócios. Na Universidade Petrobras, a educação corporativa sempre esteve atenta a esses fatores e isso sempre trouxe respostas positivas aos negócios, de forma que realmente existisse um suporte fundamental para fazer com que a empresa atinja seus objetivos estratégicos. 

A estratégia da educação corporativa da Universidade Petrobras

A Universidade Petrobras atua em quatro grandes frentes para a gestão do seu portfólio de ações em desenvolvimento. Confira quais são:

  • Rede de Academias UP: são estruturas espalhadas pela companhia que hoje são responsáveis por traduzir as estratégias do nosso negócio para dentro do processo de educação corporativa. Elas estão ligadas a área dos negócios ou de gestão. Com esse modelo, é possível oferecer soluções educacionais que perpassam todas as partes mais críticas da cadeia de valor da empresa;
  • Rede de Atendimento Regional: faz os treinamentos focados nas especificidades de cada unidade, principalmente nas unidades de operação;
  • Rede de Parceiros Externos: eles fazem um acesso constante ao mercado, de forma que seja possível ter conteúdos relevantes e uma oxigenação do conhecimento;
  • Rede Gestão de Conhecimento: tem o objetivo de ter um bom processo de gestão do conhecimento, entendendo que isso é um fator crítico para alcançar uma educação corporativa forte e resistente. 

Como a Universidade Petrobras reagiu à pandemia?

Em função de todo o processo de transformação digital que a Universidade Petrobras vem conduzindo, mesmo diante do atual cenário de dificuldades proporcionado pela pandemia (com 70% a 80% do orçamento diminuído), houve um aumento de quase 70% de funcionários treinados nesse período. Esse é o poder da união entre a transformação digital, a cultura da companhia e uma nova forma de atuar diante dos desafios. 

É preciso que as universidades corporativas sejam capazes de ter reações rápidas em meio ao cenário estratégico dos negócios mundiais, que está em constante transformação.

O futuro da Universidades Petrobras

Embora a tecnologia já esteja presente no dia a dia da Universidade Petrobras e já esteja gerando resultados muito relevantes, há um novo movimento para aprofundar todo o processo e de revisar tudo o que é feito dentro da companhia a luz da transformação digital. 

Ao longo dos últimos anos, houve uma série de ganchos incrementais que levou a universidade a um novo patamar de atuação. Contudo, eles consideram ainda não ser o suficiente. Para ir além, eles estão repensando o modelo de negócios, desde a estratégia até as rotinas operacionais mais simples. Assim, eles irão capturar todas as oportunidades que o processo de transformação digital pode trazer. Confira abaixo qual a visão do futuro da Universidade Petrobras:

  • Foco e eficiência: otimizar a carteira de treinamentos de forma a garantir alinhamento às competências críticas e maior eficácia, otimizando o tempo necessário em T&D para a prontidão do empregado;
  • Educação mais digital: ampliar a digitalização da carteira de treinamentos, aportando novas metodologias e  tecnologias que proporcionem maior eficiência e eficácia; 
  • Prontidão ágil: tornar o processo de desenvolvimento de competências mais ágil e colaborativo.

O processo de transformação digital da Alpa Learning Universe

A Alpa Learning Universe (ALU) é a mais nova universidade corporativa da Alpargatas, uma empresa que tem mais de 110 anos no mercado. A empresa possui um DNA inovador e altamente disruptivo. A partir de 2019, a organização iniciou um grande salto para revolução e começou a passar por transformações – esse foi o momento em que se iniciou o projeto da universidade corporativa. 

A empresa tem como foco ser o melhor lugar para trabalhar, com os times de alta performance mais desejados pelo mercado. Para isso, surgiram iniciativas estratégicas para fortalecer sua cultura: diversidade e inclusão, sistema de gestão e solução de problemas, construção de uma pipeline de talentos e  a inclusão de um RH voltado para o futuro. Ao tornar o RH mais moderno e digital, eles podem ter um time mais focado nas questões estratégicas da empresa.

Como funciona o sistema de educação da Alpa Learning Universe?

Para que todos os objetivos citados anteriormente fossem alcançados, eles construíram uma jornada com algumas etapas essenciais para a vida do colaborador dentro da empresa. Uma dessas etapas é o processo de aprendizagem. Assim, surgiu a Alpa Learning Universe, que tem o objetivo de promover o desenvolvimento contínuo e acessível a todos, transformando a aprendizagem no impulso que o negócio precisa para realizar o salto à evolução. O sistema de educação corporativa digital consiste em quatro pilares:

  • Future: desenvolver as equipes para atingir a visão da empresa;
  • Expertise: disseminar conhecimentos técnicos e ferramentas para apoiar o desenvolvimento das habilidades funcionais referentes ao dia a dia de trabalho (parceria realizada com a CrossKnowledge);
  • Leadership: habilidades na gestão de equipe de negócios oferecendo ações e programas para o desenvolvimento do atual e do futuro líder da Alpa. 
  • Management System: garante o desdobrando da estratégia e dos indicadores, melhorando a gestão e o aumento do desempenho da companhia. 

Além disso, eles estão em processo de definição de um mascote, que servirá como uma figura humanizada para representar a ALU e irá contar todas as novidades para os colaboradores por meio de uma plataforma de aprendizagem. 

Gostou deste artigo? Se você quer continuar a leitura sobre casos de sucesso na educação corporativa, confira nosso webinar exclusivo: Construindo Universidades Corporativas: o caso de sucesso do Sistema Fiep

Saiba mais

Fique por dentro

Receba as notícias do nosso blog direto no seu email!